O Maravilhosas Corpo de Baile é um coletivo Artivista Feminista que por meio da dança e do encontro promove o resgate e a ampliação da autoestima feminina. O Maravilhosas surgiu da ideia de experimentar a dança como ferramenta de libertação de padrões estéticos e de comportamento e hoje abriga mulheres reais que encontram umas nas outras a coragem e afeto necessários para levar seus corpos às ruas das maneiras que acharem necessário. Ao entender o corpo como abrigo das nossas vivências e histórias e merecedor de afeto e celebração, passamos a perceber que nossos corpos são exatamente o que deveriam: corpos protagonistas das nossas histórias, amores e desejos. Únicos em suas habilidades e limitações – maravilhosos exatamente por isso.

Depois de dois anos de ação percebemos que cada experiência de mulheridade é diferente e cruza com outros elementos da identidade feminina - raça, classe, lugar de origem, região da cidade em que mora... O projeto busca esse componente interseccional para promover a troca entre várias experiências de mulheridade por meio da dança e do encontro. Sabemos que vivências diferentes encontram níveis de acesso desiguais e é por isso que buscamos gerar dispositivos afetivos, culturais e inclusive econômicos-financeiros para garantir acesso a diversos tipos de corpos não masculinos: mulheres, pessoas não binárias e bichas não normativas negras, trans, periféricas, refugiadas, de ascendência indígena.

O dinheiro investido será destinado para uma ajuda de custo que proporcionará o deslocamento de vinte ou quarenta mulheres e pessoas não masculinas aos sábados durante três meses das 16 às 20 horas ao Maravilhosas Pole&Dança - estúdio que abriga o coletivo, localizado no bairro de Pinheiros. O acolhimento e o encontro são uma estratégia fundamental para garantir a manutenção do projeto, assim destinaremos parte da verba para oferecer um café da tarde - momento de compartilhamento entre alunas e professoras. Acreditamos em nossa responsabilidade em contribuir para a geração de renda e abertura do mercado de trabalho para corpos dissidentes, com pagamento de hora aula dobrada e treinamento gratuito para as professoras.Todas serão de diferentes recortes para que corpo docente e discente sejam diversos e abranjam várias experiências de mulheridade. Alem disso, teremos uma verba destinada a auxílios diversos - compra de materiais de aula para professoras ou alunas.

4.800 - cachês / 9.600 - transporte / 2.500 - alimentação / 600 - auxílios diversos / 500 - doação para a plataforma juntos.com / 720 - Taxa de transferência bancária / TOTAL 18.720,00